quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Dilma irá ao Senado para julgamento final do impeachment, diz assessoria

Dilma faz a leitura de carta a nação no Palácio da Alvorada, em Brasília (Foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo)
Nesta terça (16), Dilma apresentou no Palácio da Alvorada carta à nação na qual sugeriu a realização de um plebiscito para consultar o eleitorado sobre a antecipação da eleição presidencial de 2018 (Foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo)

A presidente afastada Dilma Rousseff decidiu que irá comparecer ao julgamento final do processo de impeachment no Senado, informou nesta quarta-feira (17) a assessoria da petista. No entanto, assessores ressaltaram que Dilma ainda não definiu a data na qual irá ao Congresso Nacional. O julgamento está marcado para começar na próxima quinta-feira (25).

A assessoria de Dilma destacou ao G1 que, no Senado, ela responderá a eventuais questionamentos que forem formulados a ela pelo presidente do Supremo Tribunal Federal(STF), ministro Ricardo Lewandowski, pelos senadores, pela acusação ou pela defesa. Lewandowski comandará o julgamento no plenário do Senado.
Na manhã desta quarta, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse em entrevista coletiva prever que o julgamento final de Dilma se estenderá por quatro dias.
Ele sinalizou ainda que, assim como defende Lewandowski, o julgamento deverá ser interrompido na próxima sexta (26) e será retomado somente na segunda-feira seguinte, sem sessões no final de semana.
Renan se reuniu na manhã desta quarta com o presidente do STF e com os líderes partidários do Senado para discutir e definir o cronograma do julgamento e procedimentos que terão de ser seguidos pelos senadores, pela acusação e pela defesa.
Segundo o colunista do G1 Matheus Leitão, o roteiro sugerido por Lewandowski prevê que Dilma terá 30 minutos para se manifestar livremente no plenário do Senado antes de começar a ser interrogada. O prazo de defesa da presidente afastada poderá ser prorrogado a critério de Lewandowski.
O roteiro do presidente do STF prevê que ele próprio, os senadores, a acusação e a defesa terão até 5 minutos cada para questionar a petista. Ela, no entanto, tem o direito de ficar calada diante das perguntas.
Carta à nação
Dilma Rousseff divulgou nesta terça-feira (16) uma carta intitulada Mensagem ao Senado e ao Povo Brasileiro na qual ela diz ter acolhido com "humildade" críticas duras que ouviu nos últimos meses a erros cometidos e a políticas que não foram adotadas pelo seu governo.

Na mensagem, ela também propõe a realização de um plebiscito para consultar o eleitorado sobre uma eventual antecipação das eleições presidenciais de 2018.
Do G1

Neymar brilha e leva o Brasil para a final do futebol nos Jogos do Rio

Não teve tempo para o forte calor atrapalhar, nem para haver qualquer tipo de ansiedade. Na saída de bola, Neymar apertou a marcação, dividiu com o goleiro López e abriu o placar. Não comemorou, por sentir dores no peito. Este foi o único susto da seleção olímpica nesta quarta-feira. Recuperado, o camisa 10 brilhou: respondeu as muitas faltas que sofreu com dribles e passes – um deles para Gabriel Jesus marcar um de seus dois gols, o outro foi cortesia de Luan. 
Com a vantagem do 3 a 0, a seleção voltou para o segundo tempo mais preocupada em fazer o tempo passar e dosar energia para a final. Ainda assim, fez mais dois gols, com Marquinhos e Luan. O restante do tempo foi gasto em jogadas de maior refino técnico, para delírio da torcida, que se dedicou a criar novas músicas, provocar a Alemanha e se divertir na arquibancada. No fim, lance emblemático: todos parados, com celulares a postos para registrar o gol de pênalti de Neymar que definiu o placar.
A disputa da medalha de ouro acontece no próximo sábado, às 17h30 (de Brasília), também no Maracanã. O adversário do Brasil sai ainda nesta quarta: Alemanha e Nigéria se enfrentam às 16h, na Arena Corinthians. Os brasileiros já escolheram o rival preferido: ao longo da partida, gritaram: “Ô, Alemanha, pode esperar, a sua hora vai chegar!”.
 
 
Não importa a cor da medalha: seja prata ou ouro, o Brasil é o recordista olímpico – já chegou ao pódio seis vezes. São três medalhas de prata (1984, 1988 e 2012) e duas de bronze (1996 e 2008). Neymar também entrou para uma seleta galeria de jogadores com duas medalhas, ao lado de Marcelo, Thiago Silva, Alexandre Pato, André Cruz e Bebeto.
Os gols do Brasil na Olimpíada são quase exclusivos do quarteto ofensivo de Micale. Gabriel Jesus, Neymar e Luan são os artilheiros, com três. Gabriel tem dois. Marquinhos, que segue sem ser vazado na defesa ao lado de Rodrigo Caio, é o intruso, com um gol. 


Do Globoesporte.com via Jornal de Fato

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Ex-presidente da Fifa, João Havelange, morre aos 100 anos

Foto: Fábio Motta/Estadão Conteúdo/Arquivo

Morreu na manhã desta terça-feira, 16, o ex-presidente da Federação Internacional de Futebol (Fifa), João Havelange. Havelange completou 100 anos de idade no último dia 8 de maio.
O cartola estava internado no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, para tratamento de uma pneumonia desde julho.
No final do ano passado, Havelange foi internado no mesmo hospital em decorrência de problemas pulmonares. 
Havelange foi eleito para Fifa em 1974, entrando no lugar do inglês Sir Stanley Rous. Ele ficou no cargo mais até 1998, quando foi substituído pelo suíço Joseph Blatter, que só saiu após a série de denúncias de corrupção na entidade que causou a prisão de dirigentes – inclusive o brasileiro José Maria Marin.

Segundo o próprio site da Fifa, João Havelange comandou a entidade em um “período de profundas mudanças na organização”. Dentre as principais alterações, está o aumento no número de países na Copa do Mundo (de 16 para 32). Além disso, o brasileiro ajudou a criar novas competições de futebol.

Entre elas estão os Mundiais Sub-17 e Sub-20, no final da década de 80, e a Copa das Confederações e a Copa do Mundo feminina, no início da década de 90. De acordo com informações da página da Fifa, o número de funcionários da entidade aumentou de 12 para 120 na gestão de Havelange.

Durante a era Havelange, a Fifa organizou seis Copas do Mundo, mas a seleção brasileira ganhou apenas uma delas, em 1994, nos Estados Unidos. Além de ter feito parte dessa entidade por 24 anos, o carioca também presidiu a CBD (Confederação Brasileira de Desportos), de 1956 a 1974.

A presença de João Havelange como dirigente esportivo não foi ocasional. Antes de frequentar escritórios, ele teve vivência assídua em campos, quadras e piscinas. Foi daí que tirou a base para a carreira que viria nos anos seguintes.

Do Jornal de Fato com informações do G1

Propaganda eleitoral começa nesta terça-feira nas ruas e na internet

Os partidos e coligações deverão prestar contas aos tribunais regionais eleitorais (TREs) a cada 72 horas (Ilustração - TRE/SC).
Os partidos e coligações deverão prestar contas aos tribunais regionais eleitorais (TREs) a cada 72 horas (Ilustração - TRE/SC).


A propaganda eleitoral nas ruas e na internet está autorizada a partir desta terça-feira, 16 de agosto, de acordo com as regras estabelecidas pela Justiça Eleitoral. Os candidatos aos cargos de prefeito e vereador nas eleições de outubro podem participar de carreatas, distribuir panfletos e usar carros de som das 8h às 22h. Também estão permitidos comícios das 8h às 24h. A campanha vai até 1º de outubro, um dia antes do primeiro turno.
A propaganda foi autorizada após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) receber ontem, 15, o número parcial de 485.268 mil pedidos de registros de candidaturas. O número final deve ser divulgado hoje.
A partir de agora, caberá aos juízes eleitorais julgar os pedidos de registro, que poderão ser indeferidos se os candidatos não cumprirem os requisitos legais, entre eles estar elegível pela Lei da Ficha Limpa. A norma impede que pessoas condenadas por órgãos colegiados disputem eleições pelo prazo de oito anos.
Fiscalização
Nestas eleições, a Justiça Eleitoral em todo o país utilizará novas regras para fiscalizar os recursos empregados nas campanhas dos candidatos. De acordo com a reforma eleitoral aprovada pelo Congresso no ano passado, os partidos e coligações deverão prestar contas aos tribunais regionais eleitorais (TREs) a cada 72 horas. Os dados poderão ser consultados nositedo TSE.
Pela nova norma, os candidatos também estão proibidos de receber doações de empresas e só poderão ser financiados por pessoas físicas e recursos do Fundo Partidário. As doações de simpatizantes dos candidatos só podem ser feitas por meio de recibo e declaradas no Imposto de Renda. As chamadas “vaquinhas virtuais” foram vetadas pelo TSE.
Fonte: Agência Brasil via O Mossoroense

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Secretária Municipal de Saúde entrega medalhas e certificados a alunos vencedores

Na noite da última quinta-feira dia 11 de agosto a secretária municipal de saúde entrega certificados e medalhas para os vencedores das melhores frases sobre o tema “Aleitamento Materno”.

A cada ano a secretária promove nas escolas do município das turmas do 9º ano do ensino fundamental um concurso para escolha da melhor frase, as escolas participantes foram a Escola Dr. Xavier Fernandes com a aluna Lamanda Fernandes, Escola Municipal Francisco Francelino de Moura, com a aluna Vitória  Gomes Leão e a Escola Estadual João Godeiro a aluna Tayza Almeida de Freitas.

É a administração cada vez  levando mais  informações aos jovens patuenses.

Fotos: Cristiano Junior
IMG_7953

IMG_7924

IMG_7930
IMG_7935
IMG_7938
IMG_7941
IMG_7945
IMG_7947
IMG_7950
IMG_7951

IMG_7957
IMG_7960
IMG_7962
IMG_7964
IMG_7966

IMG_7968
IMG_7970
IMG_7973
IMG_7974
IMG_7977
IMG_7979
IMG_7981
IMG_7982
IMG_7984
IMG_7987
IMG_7988
IMG_7990
IMG_7992
IMG_7994
IMG_7996
IMG_7998
IMG_8001
IMG_8002
IMG-20160815-WA0010
IMG-20160815-WA0014


IMG_8005


IMG_8008


IMG_8010


IMG_8014


IMG_8015


IMG_8017


IMG_8019


IMG_8021


IMG_8022


IMG_8024


IMG_8026


IMG_8029


IMG_8031


IMG_8034


IMG_8035


IMG_8037
SECOM